Drop Shipping: saiba os mitos e verdades desta prática de vendas

Drop Shipping: saiba os mitos e verdades desta prática de vendas

Bastante utilizado por grandes empresas, o drop shipping pode auxiliar pequenos empreendedores que podem trabalhar diretamente de suas casas.

Basta ter acesso à internet e fazer uma pesquisa profunda sobre o assunto para entender como esta prática pode auxiliar seus negócios.


O QUE É DROP SHIPPING

Em tradução livre, drop shipping é como deixar a entrega de remessa para outra pessoa se encarregar. Ou seja, o objetivo do empreendedor é fazer a venda em seu canal de e-commerce e deixar a entrega para o fornecedor do item que foi vendido em seu site. Não é necessário possuir nenhum estoque dentro de sua residência.


PASSO A PASSO DE COMO UTILIZAR ESSA FERRAMENTA

A primeira coisa que o vendedor precisa ter em mente é qual nicho de negócios é mais familiar para ele. É importante ter facilidade em lidar com determinado ramo de atividade.

Por exemplo, a pessoa pode gostar do universo de séries de TV. Ao fazer uma pesquisa, descobre que o batom que a protagonista de um programa usa é o item do momento. Ela pode entrar em contato com o fornecedor deste produto e a partir daí vendê-lo em sua loja virtual.

A partir da escolha do segmento de negócio, o usuário adquire um domínio e monta sua plataforma de e-commerce. A pesquisa anterior do nicho também serve como base para saber quais são os acessórios mais procurados na internet.

Escolha um nome de fácil assimilação para seu site. Uma prática muito utilizada pelos empreendedores é unir parte das iniciais do próprio nome com outlet, shop, etc. Por exemplo, se você se chama Maria Andrade, coloque MAshop, e assim por diante.


ESCOLHA CORRETA DO FORNECEDOR DE DROP SHIPPING

Em seguida, o empreendedor deve aprofundar a pesquisa no quesito de quem pode ser o seu fornecedor de drop shipping. Não tenha pressa em definir esta etapa do processo. Entre em sites como Mercado Livre, Amazon, Alibaba e Ali Express e verificar a avaliação dos compradores. Além de analisar se há muitas reclamações sobre o produto que lhe interessa comercializar e número de devoluções desse item.

Priorize fornecedores que possuam loja com pelo menos um ano de funcionamento e com cerca de 95% de vendas positivas. Além disso, opte por comerciantes que entreguem o produto em até sete dias úteis. Porque os clientes sempre gostam de receber suas mercadorias o quanto antes. Quanto mais agilidade, melhor avaliado será o serviço e, consequentemente, a pessoa voltará a comprar com você.


GRANDES EMPRESAS QUE UTILIZAM O DRIP SHIPPING

Não são somente pequenos empreendedores que recorrem a esta ferramenta para alavancar suas vendas. Gigantes como a Amazon também se beneficiam desta prática. Muitos produtos vendidos no site da companhia americana são fornecidos e entregues por outras empresas. Com isso, a Amazon ajuda no crescimento dessas corporações menores. Este tipo de serviço é conhecido como EDC – Serviço de Entrega Direta ao Cliente. No início do drop shipping, muitos empreendedores tinham receio se este tipo de negócio era legal e reconhecido. Pois, quem pesquisava acabava encontrando mais feedbacks negativos do que positivos. Com o tempo, o cenário mudou e hoje o drop shipping é utilizado de forma global, em diversos países.

*Foto: Divulgação – Ilustração

Siga e curta! 🙂
Fechar Menu